terça-feira, 29 de julho de 2014

Resenha: Ladrão de Olhos, por Jonathan Auxier

Livro: Ladrão de Olhos;
Subtítulo: As aventuras de Peter Nimble;
Título original: Peter Nimble and his fantastic eyes;
Autor(a): Jonathan Auxier;
Ano de publicação: 2011;
Páginas: 424;
Editora: Leya;
ISBN: 9788580442700

Ladrão de olhos conta a história do garoto Peter Nimble, que foi abandonado por seus pais quando ainda era um bebê, o pior de tudo é que o jogaram em um cesto no mar e corvos acabaram comendo seus olhos, ficando assim, cego.

Peter foi encontrado em uma cidade litorânea por um homem muito mal que ensinava coisas ruins ao garoto, uma delas era ser um ladrão, o melhor de todos os tempos. Apesar de cego, tinha audição e tato ótimos, conseguia roubar qualquer pessoa com muita facilidade sem ser descoberto. Porém, Peter não gostava desse trabalho sujo que era destinado.

Em um de seus roubos, Peter conheceu um caixeiro viajante, não pensou duas vezes e roubou sua caixa que tinha cadeados, no qual conseguia abrir com grande facilidade. Só que nessa caixa tinha uma coisa um tanto quanto peculiar, havia nela pares de olhos, mas não eram olhos normais e sim olhos mágicos. Com esses tais olhos, Peter conheceu não só o caixeiro, mas um professor (o cara que inventou os olhos) que o destinou á uma missão maluca junto com um cavaleiro, onde nessa tal missão existia reinos, desertos, princesas e tudo o que um conto de fadas tem direito a ter, com reviravoltas emocionantes e muito mais!

domingo, 27 de julho de 2014

TAG: Alfabeto Literário


Olá leitores, como estão? Em comemoração aos 200 seguidores do blog, resolvi responder uma TAG em vídeo. Segue o vídeo abaixo ;D


sábado, 26 de julho de 2014

Resenha: O Menino Do Pijama Listrado, por John Boyne

Livro: O Menino Do Pijama Listrado;
Título original: The boy in the striped pyjamas;
Autor(a): John Boyne;
Ano de publicação: 2006;
Páginas: 186;
Editora: Cia das Letras;
ISBN: 9788535911121

Bruno chega um dia em casa e vê uma das criadas guardando suas coisas em caixotes, ele não entende o porquê e ela explica: sua família não irá mais morar em Berlim, irão para outro lugar (longe de todos seus amigos), já que seu pai é um grande soldado influente (Bruno não sabe a profissão de seu pai) e terá que cuidar de assuntos sérios. Bruno não aceita de primeira e tudo piora quando ele chega em “Haja-vista” e vê que sua nova casa só tem três andares (dois a menos do que a outra).

Quando ele chega à casa, descobre uma coisa horrível pela janela de seu quarto, um lugar com cercas de arame altas e com várias cabanas dentro, ele acha o lugar terrível e não para de reclamar um só segundo e pedir urgentemente para ir para sua verdadeira casa, uma coisa impossível, já que sua família precisa ficar ali por causa do "Fúria", que deu um trabalho de grande renome á seu pai.

"Bem, você foi trazida para cá contra sua vontade, assim como eu. Se quer saber, estamos todos no mesmo barco. E ele está afundando."

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Compras online, vale ou não a pena?



Olá leitores, como estão?
Eu como uma consumista compulsiva por livros adoro comprar váaaarios livros em lojas online. Quando comecei a comprar, fiquei com receio, pois pedia muitas informações (CPF, RG, endereço etc) e eu ficava com medo de o produto não vir, medo bobo para alguns mas que atormenta muitos.

Pensando nisso, vim trazer um post especial sobre compras na internet e minhas experiências com elas. Espero que vocês gostem.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Resenha: Não se Apega, Não, por Isabela Freitas

Livro: Não Se Apega, Não;
Autor(a): Isabela Freitas;
Ano de publicação: 2014;
Páginas: 254;
Editora: Intrínseca;
ISBN: 9788580575330

Em “Não se apega, não” conhecemos a personagem Isabela (que não é a autora, Isabela Freitas), uma mulher de 22 anos que recentemente termina seu namoro de anos.

Isabela é uma garota que o tempo todo fala em desapegar, mas se apega fácil. Um amigo do seu melhor amigo, ou até seu primo charmoso podem ser possibilidades de um amor eterno para ela.
"O "amor" pode ser perigoso se ingerido em doses altas. E, quando acaba o estoque, pode ser fatal."
A história é basicamente a protagonista falando de seus "ficantes" e de sua vontade de mudar sua vida.

sábado, 19 de julho de 2014

Maratona literária 3.0


Olá leitores, finalmente resolvi participar de uma maratona literária para dar um "up" nas minhas leituras.
Eu vi essa maratona no blog Café com Blá Blá Blá e para conferir o post basta clicar aqui.

A maratona consiste em ler o máximo de livros (ou páginas) possíveis em apenas uma semana. O legal da maratona é ir postando boletins diários sobre o andamento das leituras, e é isso que pretendo fazer. Ah, não precisa ter um blog para participar, você pode ir postando sobre a maratona no seu facebook, skoob etc.

Escolhi apenas dois livros, e com poucas páginas já que sou bem lerda para ler. São eles:

Sinopse: Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Heath Ledger, Judy Garland, Elizabeth Bishop… apesar de ela jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky. Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era — encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um — é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.
Quando vi a capa desse livro pela primeira vez, fiquei louca, é linda. A sinopse me atraiu bastante, estou passando quase a mesma coisa que a protagonista, enfim, um livro perfeito para eu devorar (ler) em poucos dias. E além de tudo ele é curtinho, com apenas 337 páginas.

Sinopse:  Bruno tem nove anos e não sabe nada sobre o Holocausto e a Solução Final contra os judeus. Também não faz idéia que seu país está em guerra com boa parte da Europa, e muito menos que sua família está envolvida no conflito. Na verdade, Bruno sabe apenas que foi obrigado a abandonar a espaçosa casa em que vivia em Berlim e a mudar-se para uma região desolada, onde ele não tem ninguém para brincar nem nada para fazer. Da janela do quarto, Bruno pode ver uma cerca, e para além dela centenas de pessoas de pijama, que sempre o deixam com frio na barriga.
Em uma de suas andanças Bruno conhece Shmuel, um garoto do outro lado da cerca que curiosamente nasceu no mesmo dia que ele. Conforme a amizade dos dois se intensifica, Bruno vai aos poucos tentando elucidar o mistério que ronda as atividades de seu pai. O menino do pijama listrado é uma fábula sobre amizade em tempos de guerra, e sobre o que acontece quando a inocência é colocada diante de um monstro terrível e inimaginável.
Sério, sou a única pessoa do mundo que nunca leu e/ou assistiu "O Menino do Pijama Listrado"? Quase todas as pessoas (para não dizer todas) falam super bem dessa história e é claro que eu não iria a deixar de lado. Está na minha meta da maratona, espero que eu consiga ler ;D.

Participem dessa maratona também, as inscrições vão até o dia 20 de julho e começa dia 21, então não perca tempo e participe!

Beijos e até a próxima.


quarta-feira, 16 de julho de 2014

Entrevista: autora Lillian Cruz


Olá leitores, como estão?
Hoje vim trazer a vocês um post super legal e diferente. Fiz uma pequena entrevista com a Lillian Cruz, autora de "O Amor Usa Máscaras". Espero que gostem.


                                                          Conte-nos um pouco sobre você.
Lillian: Sou caiçara, mas sempre troquei as praias pelos livros e nunca me envergonhei disso. Nasci no dia 9 de março de 1997, comecei a ler quando tinha aproximadamente quatro anos e me apaixonei pelos livros e pela escrita aos oito. Meus livros favoritos são os da saga "Harry Potter" e também amo romances! Atualmente, estou me dividindo entre terminar o Ensino Médio, escrever e ler muito.

De onde veio a inspiração para escrever o livro "O amor usa máscaras"? 
Lillian: Cresci cercada por livros e meu sonho era escrever um, já que sempre fui muito tímida e conseguia me expressar melhor escrevendo. Comecei a minha "vida de aprendiz de escritora" ao participar de concursos de crônicas e poesias no colégio, até que escrevi um livro aos 11 anos de idade. Era uma história triste, pois eu escrevia quando estava deprimida com alguma coisa. Foi nesta mesma época que fiz o roteiro de "O Amor Usa Máscaras"; foi uma fase marcada por inseguranças e sonhos, então eu escrevi um roteiro baseado nisto. A personagem principal é uma reunião das coisas que eu desejava naquela fase da minha vida (como, por exemplo, morar em Londres e ser jornalista) com algumas inseguranças minhas, posso dizer que quase tudo na história faz parte de uma visão futurista que eu tinha sobre a minha própria vida. Então, alguns anos depois, já com a mente mais amadurecida e sentindo-me mais segura, pesquisei alguns detalhes sobre Londres e escrevi a história.

domingo, 13 de julho de 2014

Resenha: Lola e o Garoto da Casa ao Lado, por Stephanie Perkins

Livro: Lola e o garoto da casa ao lado;
Título original: Lola and the boy next door;
Autor(a): Stephanie Perkins;
Ano de publicação: 2012;
Páginas: 288;
Editora: Novo Conceito;
ISBN: 8581630537

Lola é uma jovem de 17 anos que tem um estilo único de ser. Com roupas extravagantes (é uma costureira nata e fabrica suas próprias roupas na maioria das vezes) e sempre usando uma peruca, ela causa estranheza quando as pessoas olham pra ela. É filha de um casal gay, já que sua mãe não é a pessoa mais recomendável para cuidar de uma pessoa.

Sua vida é baseada em ir á escola e trabalhar, seu único problema parece ser com seu namorado. Já que seus pais não o aceitam por ele ser mais velho.

Porém, algo que ela queria que não acontecesse, acontece. Os gêmeos Bell voltam a ser vizinhos de Lola. Cricket Bell é um garoto no qual Lola não quer nunca mais ver, já que aconteceu coisas no passado deles que ela não quer lembrar. Calliope Bell, sua irmã gêmea também é um problema, já que as duas também tem um problema no passado e não se dão nada bem.

- Sei que você não é perfeita, mas são as imperfeições de uma pessoa que a tornam perfeita para alguém. 

sexta-feira, 11 de julho de 2014

TBR Book Jar - Eu fiz o meu!



Olá leitores, hoje eu vim trazer uma dica super legal que eu vi lá no blog Livros com chá das três. Confira.



O que é um TBR Book Jar? 


Sei que muita gente que frequenta o blog fala inglês e saber o significado desses termos para o português deve ter parecido meio inútil, mas vamos lembrar que uma parcela não fala a língua, por essa razão fiz uma pequena e rápida introdução de termos:

"O TBR é uma abreviação da frase em inglês To Be Read, que em português é a nossa famosa lista Para Ler, e as palavras book e jar significam, respectivamente, livro e jarro. Assim, em resumo, TBR Book Jar quer dizer, basicamente, Jarro de Livros Para Ler."

Enfim, agora que todos sabem o que LITERALMENTE significa um TBR Book Jar, vamos para as partes mais legal dele: para que ele serve e como ele funciona.

quarta-feira, 9 de julho de 2014

#Plantão Literário: J.K Rowling volta a escrever sobre o mundo Harry Potter


Olá leitores, como estão?
Como a maioria de vocês devem saber, saiu a notícia que a nossa querida autora J.K Rowling escreveu mais um conto sobre Harry Potter, onde o personagem reaparece após anos com uma vida super diferente das que estamos habituados. J.K publicou no site Pottermore o conto, e você pode acessá-lo aqui: https://www.pottermore.com/en-us/ depois de fazer um cadastro no site.

Ficaram felizes com a novidade? Eu sinceramente fiquei louca, com certeza esse é um sonho para muitos fãs da saga Harry Potter, esperamos que agora venha mais por aí.

Beijos, Bianca.

PS: Siga o blog nas redes sociais e seja o primeiro a saber das novidades!
- Instagram;
- Facebook;
- Twitter

terça-feira, 8 de julho de 2014

Conheça a Sanfer Livros

Olá leitores, tudo bom?
Hoje vim apresentar a vocês  uma livraria virtual e o melhor de tudo, os livros são de autores brasileiros. Vamos conhecer?

A Sanfer Livros foi inaugurada em 18 de junho de 2014, criada pela escritora Yohana Sanfer (autora de Da Boca Pra Dentro), objetiva valorizar novos autores brasileiros. Você também pode ser um autor parceiro do site e divulgar assim seu trabalho. Para saber mais acesse http://www.sanferlivros.com.br/ e saiba como.

E para inaugurar o site, eles estão com um super sorteio de um Kindle. 



Para ficar por dentro de tudo acesse:


Beijos leitores e até mais.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Book Haul: Maio e Junho



Olá leitores, como estão? Voltei com essa coluna que antes se chamava "Aquisições do Mês" e ainda antes se chamava "Book Haul". Nunca me decido como vou chamá-la, mas agora tudo indica que vai ser Book Haul mesmo (eu confusa).

Como no mês de junho e no mês de maio veio poucas coisas, resolvi juntar os dois meses e fazer um post só. Desculpem as fotos que estão horríveis, minha câmera não está comigo, então tive que tirar fotos do celular mesmo.

quarta-feira, 2 de julho de 2014

Resenha: Anna e o Beijo Francês, por Stephanie Perkins

Livro: Anna e o Beijo Francês;
Título original: Anna and the French Kiss;
Autor(a): Stephanie Perkins;
Ano de publicação: 2011;
Páginas: 288;
Editora: Novo Conceito;
ISBN: 9788563219329

Anna com 17 anos foi mandada pelo seu pai para um internato na cidade mais romântica que existe, Paris! Ela não aceita de primeira e odeia seu pai por deixa-la longe de Atlanta, longe de seus amigos, da sua família, de seu “ficante” e de seu emprego, se sente desnorteada e perdida em uma cidade totalmente desconhecida. Onde nem francês sabe direito. 

"Quem manda os filhos para um internato? É tāo Hogwarts. Só que no meu nāo tem feiticeiros bonitinhos, balinhas mágicas ou aulas de voo."